2010-06-26


no livro devagar que faço
ar entre as folhas
o espaço do poema

Pedro

1 comment:

Manuel said...

Lindo trabalho.

Abraço,

Manuel Taveira